Ouça a Rádio Verdes Florestas

/
/
PASTORAL CATEQUÉTICA

PASTORAL CATEQUÉTICA

Compartilhar:

“A Igreja é convidada a consagrar à catequese os seus melhores recursos de pessoal e de energias, sem poupar esforços, trabalhos e meios materiais, a fim de organizar melhor e de formar para a mesma pessoas qualificadas” ( São João Paulo II, Catechesi Tradendae, n.15, 1979).

Objetivo:

Favorecer a compreensão e o aprofundamento da Iniciação à Vida Cristã às comunidades, aos catequistas e aos catequizandos, para que sejam comprometidos e engajados no seu serviço à Igreja e à sociedade.

 

Como está organizada?

Equipe diocesana: Irmã Loiva Urban e Clicia Amorim de Andrade Azevedo.
Equipe ampliada: coordenadoras paroquiais de catequese.

Todas as paróquias têm a sua catequese mais ou menos organizada e todas têm uma equipe coordenadora.

 

Quais os planejamentos e ações?

  1. Encontro Diocesano anual de catequistas, com a participação de representantes de todas as paróquias.
  2. Um encontro por ano em cada uma das 12 paróquias e Área Missionária Santa Luzia.
  3. Formações on-line, orientações bibliográficas, metodológicas e outras.
  4. Programa semanal na Rádio Verdes Florestas ( Sábados às 07 h30 min).

 

Iniciação à Vida Cristã:

A Iniciação à Vida Cristã é responsabilidade de toda a comunidade paroquial, bem como, de todas as pastorais.

Objetivo da Iniciação à Vida Cristã:

Contribuir com o catequizando, para que ele(a) encontre o seu lugar de servidor(a) na comunidade da Igreja ou da sociedade. A Igreja orienta a Iniciação à Vida Cristã (catequese) no sentido de que seja realizada de forma progressiva, com celebrações comunitárias, que marcam a passagem de uma etapa à outra. Apresenta a melhor interação da unidade que há entre catequese e liturgia. É dever do catequista e equipe celebrativa compreender o que se quer celebrar. O grupo de catequizandos necessita de ser preparado para compreender o sentido de cada celebração.
Deve haver: criatividade, fidelidade e senso pastoral.

A catequese ajuda a compreender a mútua relação e unidade de sentido dos três Sacramentos da Iniciação à Vida Cristã num processo adequado de maturação da fé e proporciona maior experiência com os símbolos da fé.

Em todas as pastorais e movimentos não se trata prioritariamente de um “reavivamento” emocional, mas de uma efetiva adesão ao projeto de Jesus Cristo ao querigma, ao seu aprofundamento, à iluminação e à mistagogia, para a vivência, o testemunho e o anúncio do projeto de Jesus Cristo.

 

Endereço

Travessa Mário Lobão, N° 111 – Centro
Galeria dos Padres, sala 210
Cruzeiro do Sul  – Acre